AURICULOTERAPIA CHINESA – Escola Huang Li Chun

auriculo 2A AURICULOTERAPIA CHINESA (aurículo, orelha e terapia, tratamento), também conhecida como AURICULOMEDICINA ou TERAPIA AURICULAR, é uma técnica de diagnóstico e tratamento através da orelha, sendo uma das especialidades da Medicina Tradicional Chinesa.

A AURICULOTERAPIA é uma modalidade de reflexologia, que se baseia no pavilhão auricular, um microssistema onde está projetado o corpo humano de forma geral. Esse microssistema já era referido nos textos antigos, como o Huang Ti Nei Jing, onde se relatava a estreita relação do pavilhão auricular com o resto do corpo.

O pavilhão auricular é dividido em áreas, que por sua vez são mapeadas em pontos de reflexo, que correspondem aos órgãos, vísceras, cabeça, tronco, membros, coluna vertebral e funções orgânicas.

Quando ocorrem doenças ou desarmonias fisiológicas nessas partes do corpo, a região correspondente na orelha manifesta sinais desses desequilíbrios. Entretanto, quando esses pontos específicos são estimulados, os meridianos correspondentes recebem impulsos, possivelmente através da estimulação da formação reticular e conexões com o sistema nervoso simpático e parassimpático, que desencadeiam uma série de reações relacionadas com as áreas afetadas, fazendo com que o organismo reencontre o equilíbrio e a cura.

Apesar de ter como base a avaliação clínica, segundo os preceitos da Medicina Tradicional Chinesa, a AURICULOTERAPIA tem constituído a sua própria teoria, por ter métodos independentes para o diagnóstico e tratamento das enfermidades. Os pontos auriculares funcionam como uma memória do histórico patológico das pessoas, por isso o diagnóstico através do pavilhão auricular permite avaliação de diversos desequilíbrios energético-funcionais, além do desenvolvimento cronológico das enfermidades e a preparação para processos patológicos que ainda não se manifestaram clinicamente. Atualmente, o diagnóstico da AURICULOTERAPIA tem valor semiológico muito próximo ao diagnóstico através do pulso e da observação da língua na Medicina Tradicional Chinesa. Para efeito diagnóstico, as alterações mais comuns podem se apresentar sob a forma de cordões, veias, depressões, inchaços, descamações, eczemas, mudanças morfológicas e de coloração, etc.

Por isso, a aplicação atual da AURICULOTERAPIA não se restringe apenas ao tratamento das enfermidades através dos pontos auriculares. Esse sistema terapêutico tem valiosa função diagnóstica em muitas patologias.

A AURICULOTERAPIA é eficaz no tratamento e diagnóstico de dezenas de enfermidades crônicas, tais como, cefaleias, distúrbios do sono, ansiedade, irritabilidade, depressão, estresse, hipertensão, problemas gastrointestinais, ginecológicos, asma, alergias, cansaço excessivo, dentre muitos outros.

sangria orelhaTambém apresenta excelentes resultados como analgésico e anti-inflamatório em diversos quadros de dor, especialmente das dores articulares, musculoesqueléticas, dores de cabeça, dores cervicais e lombares, o que a torna uma excelente técnica complementar para estes problemas.

Além de seu caráter terapêutico e diagnóstico, outra grande vantagem da AURICULOTERAPIA é que permite ao paciente continuar o tratamento em casa, vez que este pressiona e estimula as esferas ou semente colocadas nos pontos auriculares, intensificando assim o efeito do tratamento.

A AURICULOTERAPIA pode servir de terapêutica única para o tratamento das síndromes diagnosticadas pela Medicina Tradicional Chinesa, ou utilizada em conjunto com outras técnicas, como a acupuntura sistêmica.